Insurgente

| 28 maio 2013 |
Insurgente começa exatamente onde Divergente acabou. Tris, Tobias, Peter, Caleb e Marcus estão se dirigindo para a sede da Amizade para pedir refúgio. Chegando lá podemos ver como os habitantes da Amizade vivem.

Essa facção acredita que todos devem participar das decisões e desse modo fazem uma reunião que permitem a permanência dos refugiados, porém não querem escolher um lado na guerra que está se iniciando, ou seja, preferem ficar “em cima do muro”. Porém Tris acaba brigando com Peter, claro que ela tem razão, mas brigas estão fora do acordo para o refúgio e como punição aplicam um soro em Tris que a ajuda a ficar “mansa”.

Desse modo percebemos que a Amizade não é tão pacífica assim e que seus habitantes só agem dessa maneira porque são submetidos a esse soro todos os dias. Assim a facção que era considerada “boazinha” não é exatamente assim. Como sempre a palavra de ordem é controle.

A Erudição comanda uma visita a Amizade para verificar se há refugiados da Abnegação e da Audácia. Os refugiados se vestem como membros da Amizade, mas acabam sendo descobertos.

Tris consegue fugir junto com Tobias, Caleb e Susan. Nessa fuga eles encontram os sem facção. E assim aparece justamente a mãe de Tobias que era considerada morta na Abnegação. E Evelyn é justamente a líder dos sem facção. Encontramos também Edward, que havia deixado a Audácia no primeiro livro após o ataque sofrido por Peter. Podemos ver o modo de vida dos sem facção e como eles querem destruir o sistema de facções. Evelyn pede que seu filho se alie a ela.

Os sem facção informam que a Audácia se dividiu. Parte está com a Erudição e parte está na Franqueza. Assim ficamos surpresos, como parte da Audácia aceita ficar ao lado da Erudição, mesmo após o controle de mente exercida pela mesma?

Tris e Tobias partem para a Franqueza em busca do restante da Audácia que não traiu a facção. Lá eles são presos, pois acham que eles ajudaram com o ataque de simulação. Eles são interrogados com o soro da verdade que pertence a Franqueza. Podemos reparar que cada facção possui algum tipo de soro para exercer controle sobre seus habitantes, com exceção da Abnegação e talvez a Erudição, mas nesse caso não tem como ter certeza, pois nada como descrito ainda.

Após o interrogatório, eles são considerados inocentes e permanecem na Franqueza até o ataque dos traidores da Audácia junto a Erudição. O ataque é para injetar um soro de simulação nas pessoas e matar os divergentes. Porém a ultima parte não é bem sucedida, de modo que a Audácia presente na Franqueza acaba vencendo com a ajuda de Tris e Tobias.

Em uma noite Marlene fica sobre a simulação e diz que se os divergentes não se entregarem isso ocorrerá a cada dois dias. Isso é Marlene se jogando do telhado. Assim Tris se entrega para a Erudição, pois seu lado Abnegação jamais aceitaria que algo desse tipo acontecesse novamente.

Tobias acaba se entregando também e deixa Tris desesperada. Ele consegue dizer para ela aguentar duas semanas, pois serão resgatados pelos sem facção junto com a Audácia.

Na Erudição fazem testes de novos soros em Tris, porém nenhum funciona. Descobrimos também que Caleb estava do lado de Jeanine e passava todas as informações que Tris lhe falava para ela. Esse é um momento de raiva e tristeza quando lemos essa parte.

É engraçado quando em certo momento Jeanine perde completamente a compostura típica de um membro da Erudição e pergunta gritando como ela sabia que era uma simulação. Tris acaba conseguindo avançar em Jeanine e bate nela, assim a morte dela é adiantada e ocorre uma dos momentos mais tristes. Quando Tris está indo para a sala de execução, Tobias grita por ela. Tris coloca sua mão no vidro da porta da cela dele e assim ocorre a despedida sem direto de nem se tocarem.

Tris escapa da morte com a ajuda de Peter. O quê? Sim, ele mesmo, pois ele se considerava em dívida com ela por salvar sua vida. Ele liberta Tobias também e três fogem da Erudição.

Tobias aceita se aliar aos sem facção, porém Tris sente que tem algo errado e não concorda com ele nessa decisão. Marcus a procura e diz que precisa recuperar uma informação que foi roubada da Abnegação pela Erudição e esse foi o motivo do ataque, pois os lideres da Abnegação decidiram divulgar a informação para todos. E essa informação seria o que tem depois da cerca.

Quando essa informação nos é apresentada ficamos muito curiosos para saber o que é. Pois Marcus em nenhum momento fala qualquer dica sobre o que é.

Assim Tris resolve se aliar a Marcus para conseguir salvar essa informação junto com Cristina e sem contar a Tobias, que ficaria contra.

Ao entrar na Erudição novamente, já está ocorrendo o ataque da Audácia e dos sem facção. Tris chega ao escritório de Jeanine, mas não consegue impedir a morte da mesma por Tori. Tori a considera uma traidora e a coloca junto aos demais prisioneiros. Tris diz para Tobias que tem que acreditar nela, que ela não faria nada daquilo se não achasse realmente importante.

Tobias sobre novamente para a sala de Jeanine junto com Caleb e descobre a informação que era escondida. Aparece no telão uma mensagem de uma mulher afirmando que ocorreram muitas mortes fora da cerca e que eles não tinham conhecimento disso.  Eles estavam dentro da cerca para serem a cura contra a batalha da guerra e violência. Quando o número de Divergentes aumentarem deveriam abrir os portões para sair do isolamento.

Claro que o livro termina nesse momento só para nos deixarem ainda mais curiosos. Afinal o que ocorreu realmente do lado de fora para que fosse necessário isolar as pessoas e criar as facções? Quem é Edith Prior? Será avó de Tris? Qual a real importância dos Divergentes?

Essas perguntas só serão respondidas no próximo livro Allegiant, que ainda não saiu em inglês.


5 comentários:

  1. Eu acabei de ler insurgente, é o melhor livro da trilogia até então, e o final foi perfeito, quero muito ler Allegiant, enfim amei sua resenha :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também estamos muito ansiosas pelo próximo :D

      Excluir
  2. Oi adorei sua resenha...mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem..busca.livrariasaraiva.com.br/saraiva/Reverso
    www.buqui.com.br/ebook/reverso-604408.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece ser interessante :D
      Obrigada pelo seu comentário!

      Excluir
  3. Comecei a ler, mas tantos outros livros entraram na minha vida que bateu uma preguiça e parei na metade. Até o filme lançar acho que eu consigo terminar :3

    ResponderExcluir