Simplesmente Acontece

| 02 janeiro 2015 |
Rosie e Alex se conhecem desde crianças. Cresceram juntos, aprendendo a viver, definindo que tipo de pessoas eles seriam e dividindo tudo o que acontecia em suas vidas. Mesmo ao serem separados, a amizade deles se manteve intacta. Ambos se amavam de forma única, mas, a vida é feita de contratempos, inseguranças ou aquilo que as pessoas chamam de destino. Uma amizade pode sobreviver a distância e o amor, seja ele como for, sobrevive, muda e se fortalece, pois a vida de qualquer pessoa pode ser definida como “Simplesmente Acontece”.

Quando eu comecei a ler esse livro devo confessar que folheei as páginas para saber se a narrativa se manteria como no começo, e foi um pouco chocante ver que o livro era formado apenas por cartas, mensagens e e-mails trocados pelos personagens. Essa é realmente uma forma bem diferente de construir uma narrativa. Na mesma medida em que ela é instigante, ao contar uma história tão cativante de forma realmente diferente, ela também é angustiante quando estamos passamos em algum determinado momento em que tudo o que nós queremos saber são os reais pensamentos dos personagens, muitas vezes podados, exatamente como na vida real, no tipo de comunicação usada para construir a narrativa.

Mesmo assim, os personagens principais conseguem construir seus sentimentos e sua história e nos passar isso muito mais do que para eles mesmos. Rosie e Alex são aquele tipo de amigos inseparáveis. Quando o pai de Alex arranja um emprego em outro país, e eles tiveram que se separar, esse foi apenas o primeiro empecilho que simplesmente aconteceu em suas vidas, entre tantos outros que ainda viriam.

É incrível de se ver o quanto de uma pessoa pode ser revelado em um meio de comunicação tão pouco confiável, no que diz respeito a pessoa estar sendo sincera ou não, e você ter a certeza disso, quanto mensagens. Rosie começa como uma menina comum que tem um grande amigo. Quando esse amigo a deixa, seu mundo parece não ser o mesmo, porém, ele volta a girar quando surge a oportunidade de ter Alex novamente em sua vida. Mas, uma gravidez inesperada acaba com seus planos, seus sonhos e tudo isso é tão explicito em seu texto quanto o seu crescimento ao se aceitar como mãe e ir bem busca de novos objetivos.

Alex cresce em sua vida profissional na mesma proporção em que tenta encontrar maneiras de ser feliz no amor, mas errando claramente, por motivos óbvios. Só havia um lugar em que ele poderia encontrar esse amor, porém, ele preferia arriscar onde ele sabia que o sofrimento não seria realmente duradouro se não desse certo. Suas tentativas sempre machucaram Rosie, por mais que ela não demonstrasse, e machucavam também os leitores que queriam que alguém que já sofreu tanto encontrasse a felicidade.

Casamentos, novas amizades, filhos, tudo isso ora os uniu, ora os separou, e o leitor sofre a angústia de vê-los separados. É impossível não ver que eles são perfeitos um para o outro, porém, a autora lida com a história de forma tão real, que nós sabemos o quanto de coragem seria necessária para que qualquer um dos dois tomasse uma iniciativa e que qualquer pessoa agiria da mesma forma. Isso nos faz pensar quantas boas oportunidades perdemos em nossa vida por simplesmente não conhecemos todos os pontos de vista.


Os empecilhos impostos aos protagonistas e a forma como isso é narrado consegue ser tão angustiante em certos momentos que você sente vontade de entrar no livro e literalmente “sacudir” os personagens. Mas, analisando tudo o que acontece, só estando realmente de fora para pensar em agir de forma diferente. É triste pensar que, na vida real, esses fatos provavelmente aconteceriam da mesma forma. A vida é realmente feita de escolhas e desencontros. Nós podemos fazer nossas escolhas, mas, ela “Simplesmente Acontece”.

14 comentários:

  1. Achei linda a forma em que mesmo separados, eles mantem o papo. Não sei se iria gostar tanto por ser construído em formas de emails e cartas. Fiquei meia tensa com ela ter ficado grávida, acho que seria meio complicado. Deve ser mesmo angustiante ver os personagens que eram para ser um do outro, seguindo outro rumo. O título parece ser bem fiel ao enredo. Espero gostar do filme, mas quero ler antes de assistir.
    Abraços Jana,
    ThayQ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No começo é meio estranho a forma com o livro é construído, mas, quando a história realmente pega você, é impossível parar de ler :D

      Excluir
  2. Filosofou, hein, Jana? hahahahah
    Estou bem curiosa pra ver como esse livro vai narrar tanta coisa que acontece na vida dos personagens apenas por meio de cartas, mensagens e e-mails.
    Excelente resenha! Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, viu só?
      É bem interessante e angustiante essa forma de narrar a história. Mas, se encaixa muito bem no mundo em que vivemos.
      Depois me conte o que achou :D
      Beijos!!!

      Excluir
  3. Quero taaaanto esse livro e ler também principalmente pq tem o Sam haha Já li alguns livros que tem email ou cartas (Minha vida fora de série é um exemplo) e eu acho isso muito legal mesmo. Saber que eles não ficam juntos é triste e espero que no fim isso aconteça pq depois vou ficar decepcionada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gosta desse tipo de livro, então você vai AMAR esse, com certeza :D
      Pode ler sem medo. Beijos!!!

      Excluir
  4. Já li uma resenha e, nos sentimos mesmo a angustia de vê-los separados.
    Porque, até dá pra perceber que eles foram feitos um para o outro.

    ResponderExcluir
  5. Eu não gosto muito de ler livros contendo cartas, mensagens e e-mails na narrativa, acho que fica um pouco cansativo. Mas eu já li tantas resenhas positivas sobre Simplesmente Acontece que acho que essa forma de narrativa só acrescentou no livro. Já está na minha Wishlist :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na minha opinião, creio que se algumas passagens tivessem sido narradas de forma convencional, teria acrescentado muito ao livro. Porém, ele não deixa de ser realmente uma ótima leitura :D
      Depois nos conte o que achou!!!

      Excluir
  6. Simplesmente Acontece deve ser uma história linda contada de uma forma que vai nos encanta, ótima resenha parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Andresa :D
      Espero que você goste do livro!

      Excluir
  7. Amei esse livro, curti muito essa narrativa feita por cartas, mensagens e e-mails trocados pelos personagens, história super emocionante, gostei muito do filme também.

    ResponderExcluir