Extraordinário

| 10 maio 2015 |
Extraordinário conta a história de August (Auggie), um menino inteligente e sensível que nasceu com uma síndrome que causou uma deformidade severa em seu rosto. Devido a vários procedimentos cirúrgicos que ele teve durante sua infância que culminavam em uma recuperação lenta, August nunca tinha ido à escola até agora.

Aos 11 anos, ele irá para a escola pela primeira vez. E se a 5ª série, já não é fácil para a maioria das crianças, para August a perspectiva é pior, devido ás dificuldades de nunca ter ido à escola e sua face diferente.

August possui uma família incrível, que inclui sua mãe, seu pai, sua irmã Via e sua cadela Daisy. Todos o amam e no livro explica de uma maneira tocante e muito bonita as dificuldades e prazeres de se ter na família uma pessoa especial como August.

Na escola claro que August chama a atenção. Ele mesmo percebe que todos olham o seu rosto, mesmo que tentem disfarçar. Porém para ajudá-lo ele acaba fazendo bons amigos e claro que outros colegas não serão tão bons com ele. O diretor é muito bom para com ele e especialmente o professor de inglês, que começa todas as suas aulas com um novo preceito.

Os preceitos são lindos e nos leva a pensar que todos deveriam tentar levar suas vidas, seguindo esses pensamentos. Mas o principal preceito sempre fala sobre a gentileza e como ela deveria ser usada a todo o momento sendo necessário ou não.

Extraordinário é uma história simples que possui inúmeros pontos de vista de pessoas ligadas a August. Assim podemos ter noção da relação das pessoas com ele pelo ponto de vista do mesmo e de pessoas ao seu redor, como sua irmã e amigos.


Esse é o tipo de livro que é tão bonito e todos deveriam ler. E também ler para suas crianças, pois ensina de uma maneira suave que todos somos iguais com nossas diferenças. E que a arma mais poderosa que existe para a relação entre as pessoas é a gentileza e que com ela é possível superar qualquer desafio que a vida nos apresente.

15 comentários:

  1. Eu amo esse livro! O título do livro faz jus à história, é Extraordinário! :33 É incrível, é uma história simples, com narrativa simples, mas que pode mudar a visão que o leitor tem do mundo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sara! Concordo plenamente com você! Beijos!

      Excluir
  2. Esse livro é maravilhoso, história super linda e inspiradora que realmente todo mundo deveria ler!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Milena! Realmente todos deveriam ler para pensarmos melhor sobre as diferenças! Abraços!

      Excluir
  3. Oi, Vanessa!
    Eu já li esse livro e amei!! Ele é muito bonito mesmo, e emocionante também! Meus olhos encheram de lágrimas em algumas partes.
    Os preceitos do professor são mesmos lindos, por isso estou louca por 365 Dias Extraordinários!
    Ótima resenha! Bjs <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Dilza! Como sempre seus comentários são incríveis! Muito Obrigada! Beijos!

      Excluir
  4. Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro, mas fiquei muito interessada em sua resenha e vou procurar lê-lo assim que possível. Ótimo trabalho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Joo! Assim que tiver a oportunidade leia sim! Abraços!

      Excluir
  5. Perfeito!!!
    Amo esse livro, o Auggie é um fofo!
    Nossa, fiquei emocionada em algumas partes, ele é muito guerreiro e cativa todos a sua volta.
    Recomendo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Suzzy! Tem toda razão, como não gostar do Auggie? Beijos!!

      Excluir
  6. Olá!
    Concordo com você todos deveriam ler Extraordinário!
    É um livro lindo com uma mensagem de sempre sermos gentis não importa as circunstâncias. Os personagens também são ótimos tanto a família de Auggie quanto os amigos da escola.

    ResponderExcluir
  7. Eu to louca pra ler esse livro *-*
    parabéns pela resenha, so fez aumentar mais minha vontade de ler.
    parece ser um livro triste, mas emocionante (:

    ResponderExcluir
  8. Oi Vanessa!
    Eu simplesmente adoro esse livro, ele entrou pra uns dos meus favoritos desse ano. A história do Auggie é tão triste mas tão maravilhosa que te prende do começo ao fim. Queria tanto que virasse filme também, na certa seria um sucesso.
    Beijos.

    ResponderExcluir