Livro Físico e Livro Digital

| 05 agosto 2015 |
Eu pensei em outro título para essa coluna, a princípio. Apenas uma pequena letra trocada, mas que faria toda a diferença. Originalmente, essa coluna seria “Livro Físico X Livro Digital”, mas eu imaginei que, nos dias atuais, essa expressão já não cabe mais na forma como nós vemos e tratamos os nossos livros e a forma deles serem lidos.

Que o livro físico é o preferido de todos os leitores, isso nós não temos nenhuma dúvida. Não há nada como ter um livro em mãos, usar um marcador de páginas (que nós tanto amamos), de sentir aquele cheirinho fantástico e característico de um livro novo, porém, os livros digitais também conseguiram o seu lugar em nossas vidas.

Eu me lembro quando estava lendo os livros da série “As Crônicas de Gelo de Fogo”. Eu sempre saio com os livros que eu estou lendo, para poder aproveitar cada momento livre do meu dia, mas com certos livros, como essa série, essa tarefa se torna bem mais complicada. Como não ficar com dor nas costas carregando o livro do tamanho de um tijolo durante todo o dia? Nesses casos, o livro digital é de grande ajuda.

Além disso, atualmente temos vários autores independentes que só lançam os seus livros de forma digital e editoras que lançam contos ou extras de seus livros também nesse formato. Quando eu comprei meu e-reader, foi focando em livros internacionais. Não que meu inglês seja maravilhoso, longe disso, porém, a facilidade que aquele dispositivo me daria para esse tipo de leitura (inclusive me ajudando na tradução) e supondo que os preços de livros importados digitais são muito mais baratos que os físicos, me convenceu a embarcar no mundo dos livros digitais, e eu não me arrependo.

Eu acredito que esse seja um momento muito interessante para nós leitores e, inclusive, para os novos escritores. A facilidade que o livro digital trouxe para quem quer publicar um livro e para quem quer pagar mais barato (apesar de às vezes o livro físico estar mais barato, não me perguntem o motivo, que eu também não entendo), para quem realmente não tem condições de carregar livros para todos os lados, mas quer sempre ter um livro à mão, caso tenha um tempo livre, é fantástica com o formato digital.

Eu sempre vou preferir o livro físico, na verdade, acho que qualquer leitor sempre vai preferir o livro físico, porém, é interessante ver como já passamos dessa fase de quem é melhor, dessa rivalidade entre quem defende um formato ou o outro. Os dois tem suas vantagens e desvantagens. Os dois são maravilhosos, cada um à sua maneira. É maravilhoso termos duas ótimas opções, podendo sempre escolher qual a melhor para aquele momento.

No fim das contas, não importa como, o importante é ler.

12 comentários:

  1. Não sei pq mais não consigo ler o livro digital irei ler assim um dia apenas quando não tiver mais jeito mesmo igual vc falou diminui as dores nas costas ate que vai mais será que um dia vão parar de vender os livros físicos tenho esse medo será que todo mundo vai se acostumar? ai tem muitas duvidas.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que existe espaço para os dois no mercado. Eu não vejo eles como uma concorrência, mas algo que se complementa. Nos dá opções para o que precisamos naquele momento :D

      Excluir
  2. Oi Jana, eu confesso que ainda não consegui ler nenhum livro digital inteiro, apenas alguns capítulos. Como você mencionou, as vezes fica difícil carregar um livro "pesado" para todos os lados, nesse quesito o digital é mais vantajoso.
    Concordo com você o livro físico deve ser o preferido dos leitores.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que sempre vai ser o preferido mesmo. Mas também gosto do digital em determinados momentos :D
      Beijos!!!

      Excluir
  3. No final, tudo é livro, hahaha. Prefiro meus livros físicos, prefiro tê-los aqui na minha estante <3 Mas leio também pelo celular/pc por conta da praticidade mesmo, ou por o livro físico estar mais caro ou pela editora lançar spin-offs somente digitais mesmo (nesses casos, fico tentada à imprimir os livros u-u haha).
    E exatamente como você disse, o importante é ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você disse tudo, Sara: "No final, tudo é livro". Perfeito :D
      Beijos!!!

      Excluir
  4. Sempre vou preferi o livro físico, o contato, o cheiro, e ainda tenho a mania só ler o livro usando o seu marcador, porem em certos momentos tem que ser o digital mesmo, pelo preço, ler fora de casa, pois tenho pavor de amassa e/ou sujar o livro, sem conta o peso pra carregar né, quando o mesmo só existe na versão digital e por ia vai

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal, Milena <3 <3 <3
      Bom, acho que os dois de complementam super bem, mas também prefiro o físico.
      Beijos!!!

      Excluir
  5. Oiii
    Eu vou sempre preferir livro físico,nada se compara ao cheirinho de livro novo ou a sensação de vc ver ele na sua prateleira depois de lutar muito para compra-lo.
    Ja li alguns digitais,ele também tem sua qualidades,mas sempre vou querer ter físico
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí. Os dois tem as suas vantagens :D
      Beijos!!!

      Excluir
  6. Entre os dois, eu prefiro a versão física. O que eu acho ruim, comparando os dois, é que a versão física é o trilo do preço do digital hahaha Bem que poderia ser o mesmo preço do digital, né? Facilitaria muito a vida de todos hahaha Como eu sou uma pessoa que não faz nada da vida (Aqueles ~), leio tudo em casa mesmo hahah Adorei o post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe que, ás vezes, em lojas tipo a Amazon, o preço da versão física é menor que o digital? hehehe. Mas eu adoro isso :D
      Se for para escolher, vamos sempre escolher o físico, mas o digital também tem as suas vantagens.
      Beijos!!!

      Excluir