Para Continuar

| 13 setembro 2015 |
Leonardo gostaria de ser um jovem normal, mas é quase impossível ser normal quando um problema no seu coração o limita de várias maneiras, porém, algo maravilhoso poderia acontecer quando esse mesmo coração começa a bater mais forte por uma garota com uma cultura completamente diferente e um segredo muito misterioso em seu porão.

Desde que eu soube um pouco mais do que se tratava o enredo desse livro fiquei muito ansiosa para ler. Quem nos acompanha aqui no Blog sabe o quanto nós amamos a cultura oriental, portanto, ler um livro com tantos termos que eu sempre ouço, com gestos e situações tão características, tinha tudo para ser uma experiência bem interessante, porém, o cenário escolhido para esse livro é um lugar que eu sempre frequento, situações que eu mesma poderia viver, tudo tão maravilhosamente bem entrosado que a experiência de ler esse livro passou de interessante para maravilhosa.

A primeira vez que Leonardo viu Ayako, eles estavam no metrô. Uma situação tão banal, tão cotidiana que se transformou em algo realmente mágico. Gosto de livros em que as pessoas vão se conhecendo e se apaixonando aos poucos, mas também adoro livros em que claramente está escrito no destino dos protagonistas que eles devem ficar juntos, que algo superior está guiando o seu amor. Em ambos os casos, a história tem que ser muito bem escrita, muito bem desenvolvida para que o leitor se convença daquilo e passe a amar os personagens. Leonardo e Ayako conseguiram me comover e me fizeram torcer por sua história desde o início e cada vez mais até o fim daquelas páginas.

Muito mais do que diferenças culturais ou destinos escritos nas estrelas (ou em lanternas), o autor também consegue trazer para a trama temas fortes, importantes e que muitas vezes as pessoas fecham os olhos para fingirem que eles não existem, como criminosos que intimidam imigrantes (e outras pessoas) em troca de “proteção” e a forma como pessoas com algum tipo de deficiência podem ser tratadas pelos seus próprios familiares.

Felipe Colbert conseguiu construir uma história de amor muito encantadora. O casal principal realmente nos convence do seu amor, do quanto eles precisam um do outro e que nasceram realmente para se encontrarem, para ficarem juntos.  Acredito que o mistério em si da história não seja tão interessante quanto a relação dos protagonistas, mas é ele que embasa esse amor, por conta desse mistério que essa relação pode ser aceita como única, portanto, ele é totalmente necessário. 

“Para Continuar” é um livro perfeito para quem gosta de romance e para quem fica feliz em ver que o amor nunca se abala, mesmo com todos os obstáculos. O final é realmente impactante. Não estou exagerando ao dizer que meu coração quase parou por um momento, torcendo como nunca para que nada de ruim acontecesse. Agora, se algo de ruim vai acontecer ou não, vocês vão ter que ler para descobrir.

8 comentários:

  1. Eu desde criança amo a cultura oriental como não tenho condições de conhecer o Japão vamos entrar no mundo dos livros para saber mais desses povos maravilhosos agora quero ler esse livro kkkkkk.

    ResponderExcluir
  2. Estou doida pra ler esse livro, curto muito um romance, parece super emocionante e essa resenha me deixou ainda mais ansiosa em conferi essa história.

    ResponderExcluir
  3. Já li é o meu veio autografado <3 Léo e Ayako são ótimos personagens. amei o livro, muito fofa. Dá vontade de querer uma lanterna também

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, também quero uma lanterna para mim... hehehe
      Beijos!!!

      Excluir
  4. Jana!
    Será minha próxima leitura e já estou ansiosa, porque adoro a cultura oriental que sempre tem algo a nos ensinar...
    E já outro livro do autor que me deixou encantada com o romance e espero que aconteça o mesmo com esse...
    “Creio no riso e nas lágrimas como antídotos contra o ódio e o terror.”(Charles Chaplin)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal :D
      Depois me conte o que achou.
      Beijos!!!

      Excluir