Grey

| 02 janeiro 2016 |
Christian Grey é um empresário muito bem-sucedido, mas que tem uma vida particular que chocaria a muitos. Ele só conhece um tipo de relacionamento com mulheres, e esses não envolvem flores e bombons. Ele conhece a dor melhor que o amor e espera o mesmo de suas parceiras. Quando ele conhece Anastacia Steele, alguém completamente diferente do seu estilo de vida, talvez ele estivesse disposto a correr atrás dessa pessoa, para que ela realizasse todos os seus desejos e começasse a mudar um pouco o modo como ele levava a vida e os seus relacionamentos.

Eu estava muito ansiosa para ler esse livro. Christian Grey sempre foi o personagem mais interessante da série “Cinquenta Tons de Cinza”, o seu passado era sempre o que mais me interessava e como tudo o que aconteceu influencia diretamente em suas escolhas no presente. Estar na mente desse dominador era algo que eu esperava há muito tempo, por isso, talvez eu tenha ficado um pouco decepcionada com o desenrolar da história.

Livros com pontos de vistas diferentes são muito complicados de se escrever (ou muito fáceis, depende do resultado final), e eu já me decepcionei com vários. Acho que outro ponto de vista só é válido quando realmente acrescenta fatos novos a história e não quando é apenas uma repetição de tudo o que nós já vimos com outro narrador (o que acontece na maioria dos livros).

A questão é, para quem gosta da série, como eu, vai encontrar o personagem exatamente como nós o conhecemos, com os seus fantasmas, suas obsessões, seus medos, suas angustias e isso eu realmente gostei de ver. A autora não mudou o personagem que nós já conhecemos, ela conseguiu manter o mesmo temperamento, a mesma paixão e a mesma loucura que faz com que os leitores se apaixonem por ele.

Mas, o que eu realmente estava esperando avidamente para ler nesse livro, era sobre o passado de Christian Grey, e suas angustias no presente, e essas cenas, infelizmente, são muito curtas. Eu queria detalhes mais aprofundados sobre a infância e adolescência do personagem, além de várias consultas com o doutor Flynn, onde eles discutiriam todas as partes obscuras da mente desse personagem fantástico, mas, só temos uma consulta, quase no fim do livro.

Não me levem a mal, “Grey” é um bom livro e cumpre o seu papel de recontar uma mesma história de outro ponto de vista. Partindo desse princípio, o livro é excelente para quem realmente gostou da série, porém, eu realmente acho que a autora não precisava ter reescrito cena por cena e poderia ter se aprofundado mais em outras questões.

Estou ansiosa para ler a versão do Christian dos dois livros seguintes, esperando que a autora possa superar algumas das minhas expectativas para esse livro. Acredito que nas sequências teremos mais oportunidades de saber mais sobre o passado do personagem e seus sentimentos contraditórios no presente, devido aos acontecimentos de “Cinquenta Tons Mais Escuros” e “Cinquenta Tons de Liberdade”.

Estar dentro da mente desse personagem é bem interessante, mas, como a senhorita Steele, eu quero mais, muito mais. 

16 comentários:

  1. Sua resenha está muito boa. Bom, ainda não li 50 Tons de Cinza, mas pretendo ler em breve, sinceramente achei meio desnecessário outro livro na visão do Grey, mas com certeza os fãs gostaram muito, não sei ainda se leria esse livro, no momento pretendo ler só a trilogia 50 Tons de Cinza.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Mariele :D
      Espero que você goste da série. Eu realmente esperava mais desse livro, mas ainda não desisti dele... hehehe
      Vou aguardar os próximos, esperando que sejam repletos de novas informações.
      Beijos!!!

      Excluir
  2. Eu quero ler esse livro, e assim como você pensei que contaria mais de por que ele tem os pensamentos tão obscuros.
    Mais que os próximos sejam esclarecedores.
    @icaduarte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também espero que os próximos estejam repletos de novas informações... hehehe
      Beijos!!!

      Excluir
  3. Jana, apesar da grande fama que estes livros possuem, principalmente depois do filme, ainda não tive a oportunidade de lê-los, mas tenho uma grande curiosidade e vontade de conhecer esse personagem tão intrigante e que leva as mulheres á loucura!
    Uma pena que este volume não foi o esperado, mas acredito que de qualquer forma valeu a leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Alessandra :D
      Espero que você goste da trilogia original.
      Eu fiquei um pouco decepcionada com esse, mas ainda não desisti dos dois próximos... hehehe
      Beijos!!!

      Excluir
  4. Jana como você eu li e também esperava saber mais sobre o passado do Grey e isso me decepcionou mais só nesse quesito, amei conhecer os pensamentos dele que a gente só via na perspectiva da Anastásia e vê que era tudo aquilo que a gente imaginava.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, essa parte não me decepcionou mesmo. Ele continuou sendo exatamente o mesmo personagem dos outros livros, então isso foi bem bacana de se ler :D
      Beijos!!!

      Excluir
  5. Adorei sua resenha.... Apesar de não ser muito fã desse estilo de livro... Não li a trilogia de 50 Tons de Cinza também.... Quem sabe mais pra frente eu possa ler... Beijinhos...

    ResponderExcluir
  6. Jana!
    O livro tem dividido muito as opiniões, como a própria série e filme fizeram.
    Estou com ele aqui para leitura e depois conto minha opinião.
    “Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância.” (Sócrates)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe do TOP COMENTARISTA de Janeiro, são 4 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, depois de ler, me conte o que achou :D
      Beijos!!!

      Excluir
  7. O livro deve ser bem interessante!! Os homens sempre tem uma visão não tão românticas das coisas. Eu li os três livros anteriores e gostei muito!! Apesar dele ser controlador ele é um romântico!! Super ansiosa para ler!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você goste, Marie :D
      Depois me conte o que achou.
      Beijos!!!

      Excluir
  8. Eu nem li os livros da versão da Anastácia, quem dirá do Macho Alfa, mas estou curiosa para ler. Espero fazer em breve isso, porque a curiosidade é enorme aqui.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que você goste, Jesica :D
      Não esqueça de passar por aqui e dizer o que achou.
      Beijos!!!

      Excluir