Zac & Mia

| 14 junho 2016 |
“-Você não precisa se preocupar comigo, Zac. – Falo o nome dele de propósito, e ele sorri também. Meu coração está batendo tão forte que ele provavelmente consegue ouvir. Ele merece mais, eu sei, mas não tenho escolha.”

Quando um novato chega para ocupar um quarto ao lado do de Zac, ele nunca imaginaria que finalmente teria alguma distração bem-vinda para a sua prisão forçada. Após um transplante de medula, ele estava em isolamento absoluto, seu quarto era “um santuário eficiente contra germes do mundo externo”, mas completamente ineficiente contra o som alto da adolescente transtornada do quarto ao lado.

Mia achava aquela situação completamente injusta. Ela era uma garota popular no colégio, que se importava com garotos, sapatos e maquiagens. Agora, ela não passava de alguém com câncer, e as pessoas ainda diziam que ela tinha sorte, pois suas chances eram altas. E elas tinham razão, Zac sabia, ele tinha pesquisado sobre isso, assim como tinha pesquisado suas próprias chances.

“Zac & Mia” é tão simples quanto encantador. Você vai lendo o livro e, sem perceber, se vê apaixonado por essa história tão singela, ao mesmo tempo tão arrebatadora. Os personagens vão conquistar o seu coração, cada um à sua maneira e te fazer pensar como você encararia essa situação, mais como Zac, ou mais como Mia. Um livro incrível e comovente. Não deixe de ler.

Nenhum comentário:

Postar um comentário