A História da Astrologia para quem tem Pressa

| 28 julho 2019 |

Editora: Valentina
Adquira o seu exemplar: Amazon

Há quantos anos a humanidade tenta desvendar os mistérios e enigmas “escritos nas estrelas”? Quantos de nós conhece signos, ascendentes, constelações, ou, melhor dizendo, pensamos conhecer? Em uma leitura rápida e precisa, realmente chegamos à conclusão do quão pouco entendíamos da astrologia e sua história, e o quanto tudo fica ainda mais instigante após a leitura desse livro.

Quão rica pode ser uma matéria estudada há mais de 4.000 anos? Hoje, com computadores e equipamentos modernos, é incrível pensar que algo que começou a ser registrado em tábuas de argila seja ainda tão fascinante. Porém, para ser um profissional nos dias atuais, é preciso muito mais estudo e conhecimento do que nós, leigos, podemos imaginar. Os movimentos dos planetas, eixos, inclinações, mapas, são apenas alguns exemplos.

Para alguém que só sabia ser do signo de Peixes, encontrar tantas outras vertentes para essa mesma palavra foi fascinante. Signo solar, signo lunar, signo ascendente... além de descobrir o que todas essas nomenclaturas podem significar para a nossa existência, é incrível.

A explicação sobre cada planeta, e o quanto ele influência cada signo, chega a ser um tanto quanto assustadora, quando percebemos como ele realmente se encaixa com as personalidades daqueles regidos pelo planeta em questão (no meu caso, minha personalidade não poderia ter sido descrita com maior precisão).

Mal poderia imaginar, na minha infância, que assistir Cavaleiros do Zodíaco seria minha primeira introdução a algo que realmente existe: As Casas Astrológicas.  Mais uma vez encontramos aqui uma associação com nossos signos e como somos atraídos para algo muito definido desde o nosso nascimento.

Os ângulos dos Planetas, ciclos planetários, mapas combinados, podem lhe dizer uma cidade mais adequada para passar o dia do seu aniversário, se é o tempo adequado para realizar uma determinada tarefa ou mesmo a forma como nos relacionamos com outras pessoas. São uma série de “fórmulas” tão complexas, quanto interessantes de se conhecer.

“A História da Astrologia para quem tem Pressa” realmente nos apresenta a um “mundo” que algumas pessoas (como eu) nunca exploraram tão a fundo, mas podem se interessar deveras pelo tema. Conhecendo os grandes nomes da área no final do livro, fica ainda mais fácil caso queira saber um pouco mais sobre o assunto e, dessa vez, sem pressa.

Adquira o seu exemplar: Amazon

Um comentário:

  1. Fiquei com vontade de esse livro.Já que o assunto me interessa bastante!
    Sou capricorniana,e quando leio sobre o assunto,fico pasma em saber como a astrologia se encaixa na minha personalidade .

    Gostei! :)

    ResponderExcluir