A Pequena Livraria dos Corações Solitários

| 02 julho 2019 |

Autora: Annie Darling
Editora: Verus
Adquira o seu exemplar: Amazon

Uma linda homenagem a todos os leitores, essa é a melhor forma de definir esse livro. Posy não é apenas uma protagonista. Ela representa o amor de cada um de nós pela palavra impressa. Cada frase, cada pensamento, voltados para o seu amor aos livros, representam exatamente o que nós sentimos quando nos deparamos com um livro.

Após a morte precoce de seus pais, Posy se viu obrigada a assumir a guarda de seu irmão, porém, Lavínia, a dona da livraria onde os pais sempre trabalharam, onde ela cresceu, não a deixaria desamparada, mesmo após ela também ir embora.

Posy sempre trabalhou e viveu na livraria, amava intensamente aquele lugar, mas jamais imaginou que Lavínia deixaria a Bookends aos seus cuidados após a sua morte. Sem saber o que fazer, mas desejando mais do que tudo honrar o nome de Lavínia, e de seus pais, Posy irá fazer o que estiver ao seu alcance para que aquele paraíso da leitura volte ao esplendor, porém, dessa vez como uma livraria de literatura romântica. O grande empecilho, ou grande ajuda, será Sebastian, neto de Lavínia, um empresário muito bem-sucedido, que não consegue ouvir um não e acredita que a livraria será um sucesso vendendo apenas livros policiais.

Entre enganos, mentirinhas e pessoas inescrupulosas, os personagens deixam bem claro, desde o começo, que alguns corações não ficarão solitários por muito tempo.

O que dizer desses protagonistas? Eles são incríveis, exatamente por serem tão imperfeitos. Posy quer viver no estilo "deixo a vida me levar", sem nenhuma perspectiva de futuro. Sua situação seria ainda pior se não fosse responsável por um irmão que ela ama com todas as forças. Ter aquela livraria sobre sua responsabilidade era algo que nunca teria imaginado e jamais estaria preparada.

Já Sebastian, filho e neto único de uma família de posses, inteligente, bem-sucedido e lindo, não era acostumado a ser contrariado, tinha todas as suas vontades sempre atendidas e sempre conseguia o que queria.

Eles cresceram convivendo naquela livraria, então aquele não seria o primeiro contato de ambos, o que faz com que o casal não precise de um ponto de partida no seu relacionamento que, no livro, se inicia repleto de farpas, desentendimentos e algumas pequenas enganações.

Posy pode se insegura e sem interesse pelo seu futuro, mas se importa muito com aqueles que dependem dela. Sebastian pode ser mimado, quer que as coisas sejam sempre do seu jeito, mas tem um coração do tamanho do mundo. Tudo isso, e ainda mais com uma livraria como cenário, só poderíamos encontrar uma obra incrível e apaixonante.

"A Pequena Livraria dos Corações Solitários" nos transporta por uma narrativa repleta de livros, citações e muito amor. Para quem sempre se identifica com personagens literários, nunca será tão fácil quanto nesse livro.

Um comentário:

  1. Sempre que vejo essa capa, já me sinto encantada. Ela é linda!
    E quanto a história,sem palavras.
    Um começo de romance que se passa numa livraria, já torna a história ainda mais atrativa . E sabendo então que os personagens principais terão alguns desentendimentos para apimentar ainda mais o romance me deixa com mais vontade ainda de ler.

    Adorei! 🧡♥️

    ResponderExcluir